Como montar uma olaria para a fabricação de tijolos

Como montar uma olaria para a fabricação de tijolos? Este é um assunto muito interessante e que será tema do nosso artigo de hoje! Saiba aqui todos os passos que você precisa tomar para montar e estruturar uma olaria que seja competitiva no mercado.

Um panorama do setor cerâmico

Uma olaria é destinada a fabricação de tijolos cerâmicos para venda e distribuição. O mercado consumidor é composto por construtoras, lojas de materiais para construção e pessoas físicas interessadas em construir ou reformar. O setor ceramista, como é conhecido, está diretamente ligado aos resultados econômicos do país, sobretudo aquelas relacionadas ao setor da construção civil e também as políticas creditícias de financiamento habitacional.

Recentemente o setor passou por uma grande crise, no entanto, entidades do setor e economistas acreditam em uma retomada a partir deste ano, favorecendo o desenvolvimento do setor e o surgimento de novas olarias.

 

O processo de fabricação em olarias

O tijolo é um dos mais antigos materiais de construção do mundo. Sua composição envolve basicamente água e argila e em alguns casos aditivos.

O processo de produção dos tijolos cerâmicos em olarias, tem início com a extração da argila em reservas naturais deste material. Para aqueles que pensam em montar o seu próprio negócio no setor, vale a pena avaliar a possibilidade de instalação em locais próximos ao ponto de extração da matéria prima.

Após a extração, o material é enviado até as cerâmicas, onde passará por algumas etapas até chegar ao resultado final que conhecemos hoje.

Logo nas primeiras etapas, a argila é preparada através de equipamentos como os desintegradores, laminadores que quebram os torrões de argila em partes menores para facilitar a sua mistura homogênea com a água e aditivos nos misturadores.

Após, alcançarmos uma mistura homogênea, a matéria prima é enviada para a maromba, também conhecida como extrusora, que é o principal equipamento da linha de produção de uma olaria. Este equipamento, é o responsável por dar forma ao tijolo.

O processo consiste na passagem forçada da argila, por um molde, previamente definido, formando então uma coluna contínua para posterior corte.

O corte por sua vez, precisa ser realizado seguindo dimensões padronizadas por normas técnicas específicas. O processo de corte, utiliza fios metálicos que cortam a seção contínua, enquanto ela passa por uma esteira, logo após a sua saída da extrusora ou maromba.

Com o tijolo já em seu formato padrão, se faz necessário enviá-lo para um processo de secagem natural ou em túneis de secagem rápida com o intuito de retirar sua umidade. Após esta etapa, finalmente enviamos os tijolos para o forno, onde serão queimados em altas temperaturas.

Após todas as etapas deste processo o tijolo está pronto para ser distribuído, comercializado e utilizado na construção civil.

 

Máquinas e equipamentos para olarias

Para garantir a qualidade dos produtos fabricados em uma olaria e sua conformidade com as normas do setor, é importante investir em equipamentos de alta qualidade e durabilidade.

Ao investir na automação dos processos de uma olaria, a empresa ganha em competitividade de mercado e acelera significativamente o seu crescimento.

Portanto, na hora de montar a sua olaria, modernizar ou substituir peças e equipamentos, conte com o apoio de quem é especialista no assunto, conheça a Natreb!

 

Escrito por natreb

Categoria da postagem

Repercusão

Data da postagem

terça-feira, 24 de março de 2020
}

Tempo de Leitura

2 minutos

U

Pesquisar

h

Postagens Recentes

Categorias de Postagens

Categories

Você também pode gostar de….
Veja como montar uma cerâmica do zero!

Veja como montar uma cerâmica do zero!

Pensando em montar uma cerâmica? Confira nesse artigo, um resumo de tudo o que você precisa para colocar o seu negócio em prática! Legalização do negócio Antes de pensarmos na estrutura do negócio e no investimento necessário, será preciso regularizar o novo negócio...

Como organizar o fluxo de caixa da sua cerâmica

Como organizar o fluxo de caixa da sua cerâmica

Qual é a situação do fluxo de caixa da sua cerâmica hoje? Neste artigo em especial, trataremos de um tema muito importante e que está relacionado com a gestão e a saúde financeira da sua cerâmica. Você já ouviu falar em fluxo da caixa, sabe como ele funciona e conhece...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Orçamento
close slider