Saiba como evitar os erros mais comuns em uma cerâmica!

Saiba como evitar os erros mais comuns em uma cerâmica!

Neste conteúdo, a NATREB listou uma série de erros que precisam ser combatidos por cerâmicas que almejam melhores resultados.

Sua cerâmica pode ser mais eficiente e lucrativa. Seus produtos podem ser sinônimo de qualidade, levando sua marca à uma posição de destaque frente aos seus concorrentes.

No entanto, para que isso seja possível, tente ao máximo evitar erros como:

1.Não respeitar o período de sazonamento após a extração da argila

Após a extração, não destine a argila de forma imediata para a produção. É preciso respeitar um período de estocagem e sazonamento a céu aberto.

A prática de estocagem da argila a céu aberto, também conhecida como sazonamento, tem como objetivo, melhorar a qualidade da matéria prima, por meio da ação de fatores naturais, como o sol, a chuva e o processo de intemperismo.

O período de sazonamento é capaz de melhorar a plasticidade da argila, provocar o alívio de tensões, homogeneizar a umidade, dentre outros fatores importantes para a qualidade do produto final.

2.Não controlar adequadamente o teor de água presente na massa

Como todos nós sabemos, a argila e a água são os componentes básicos para a fabricação de produtos cerâmicos em geral.

A água por sinal, cumpre um papel fundamental, pois contribui para que a argila se torne maleável e plástica a um ponto que lhe permita ser trabalhada e conformada com maior facilidade.

Dito isso, é importante pontuar que a variação do teor de água, modifica a retração na secagem e impacta diretamente na otimização do processo de extrusão, na regulagem de boquilhas e no índice de perdas.

A não observância do teor de água adequado pode resultar em diversas patologias e um alto índice de perda do produto final.

3.Não cuidar da manutenção de seus equipamentos

Outro equívoco muito comum nas cerâmicas está relacionado à falta de rotinas e programas voltados para manutenção preventiva dos equipamentos.

Diante disso, é importante destacar que a falta de rotinas periódicas de manutenção em máquinas e equipamentos pode comprometer a produção e gerar prejuízos significativos.

Paradas não previstas podem atrasar entregas, desequilibrar o nível dos estoques, desperdiçar horas de trabalho dos funcionários, além de gerar inúmeros outros prejuízos.

Por sua vez, peças danificadas e não substituídas no prazo recomendado pelo fabricante, podem resultar em acidentes do trabalho, comprometer outras peças de determinado conjunto e aumentar os custos de manutenção.

Para assuntos sobre peças e manutenções em suas máquinas, entre em contato com a NATREB Assistance.

4.Descuido com o processo de secagem e queima

O processo de secagem tem por finalidade reduzir o índice de água presente na argila e desenvolver algumas propriedades finais ao produto recém extrusado.

Um processo de secagem inadequado pode resultar na retração, formação de trincas e deformação dos produtos cerâmicos.

Por sua vez, a utilização de curvas inadequadas de queima é outro fator que pode contribuir para índices elevados de desconformidades no produto final.

Se você acredita que erros durante o processo de produção estão impactando a qualidade dos produtos e a produtividade da sua cerâmica, clique aqui, e conheça o serviço em consultoria cerâmica NATREB.

Qual o melhor equipamento para minha cerâmica?

Você também pode gostar de….
Empresa é sucesso na produção de máquinas para cerâmica

Empresa é sucesso na produção de máquinas para cerâmica

A Natreb, empresa especializada na produção de máquinas para a indústria cerâmica, tem comemorado o seu crescimento e a admiração que ao longo das décadas conquistou no mercado. Localizada no município de Morro da Fumaça, em Santa Catarina, a Natreb conta com um...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Orçamento
close slider